Domingo XXX do Tempo Comum 27-10-2013

28-10-2013 17:21

Tu que és um Deus
de perdedores e despojados,
faz que entendamos a Tua vontade
como uma paixão pela inclusão,
e faz das nossas vidas
e das nossas comunidades
espaços fraternos de mesa aberta,
onde nos lavemos os pés mutuamente,
onde seja possível partilhar o pão e a palavra,
onde encontremos força
e ânimo para praticarmos
junto a Ti e Contigo a tarefa de reconciliar, de sarar feridas,
de enxugar as lágrimas de tanta opressão,
de tanta injustiça, violência e divisão.
Não nos deixes cair
na tentação da trivialidade,
do desânimo ou do conformismo.
Ajuda-nos a permanecer descalços
ante a sarça ardente da Tua gratuidade
submergidos na nuvem do Teu mistério,
sem querer controlar-Te,
nem medir-Te, nem entender-Te,
porque Tu só te revelas
aos humildes e pequenos.
To pedimos por Jesus Cristo,
Teu Filho e Senhor nosso,
por quem aprendemos
a chamar-Te e a invocar-Te
como Pai e Mãe nossa e a saber-nos filhos Teus e irmãos entre nós.    
                                            Dolores Aleixandre