Secretariado Diocesano de Educação Cristã de Coimbra promove Fórum sobre o sentido da vida

10-11-2010 12:14

- “Em busca dum sentido: ateísmo e crença na construção da pessoa que ama”

“Em busca dum sentido: ateísmo e crença na construção da pessoa que ama” é o tema central do Fórum que o Secretariado Diocesano de Educação Cristã de Coimbra (SDEC) vai realizar no dia 4 de Dezembro de 2010, a partir das 10h00, no Colégio São Teotónio, em Coimbra, dirigida a pais, catequistas e professores.

Trata-se de uma reflexão continuada sobre o mundo cultural envolvente de modo a que a acção educativa não seja desenraizada da vida daqueles que estão a crescer para a vida. De acordo com o SDEC, “a temática deste ano prende-se com a necessidade de dialogar com o nosso tempo numa das questões incontornáveis: a crença e a não crença”.

“Assimilar esta realidade como educadores – professores, catequistas ou pais – supõe uma mudança estrutural na nossa vida, exige uma mudança de mentalidade e de ritmos de ser para e com os outros. Uma tarefa difícil pois não nos sentimos preparados para tal!”, afirmam os responsáveis do SDEC, explicando que “com este Fórum iremos tentar promover o diálogo – aberto e plural – sobre esta realidade, a saber: o homem actual à procura de sentido perante os caminhos da crença e do ateísmo.”

E avançam: “começaremos com uma conferência, seguida de debate, sobre ‘As linguagens da fé face ao ateísmo e ao científico’, porque, defendem, “a linguagem do homem é um meio privilegiado de identificarmos a sua identidade, o seu viver e os seus projectos… Será que nos expressamos como pessoas também a nível da fé…? Compreendemos aquilo que os outros, ou a sociedade, nos transmitem com a sua linguagem?”

Num segundo momento, destacam, “em ‘mesa redonda’, vamos perceber a relação que actualmente existe entre a “Ciência e Fé”; “Cultura e Fé” e “Ideologias e Fé”, comunicações com que “procuraremos descortinar o âmbito de cada uma delas e se, na verdade, elas são ou não campos de conflito”.

Por fim, “abordaremos a questão da «Transmissão da fé na ‘era do vazio’», procurando descortinar a legitimidade e, ao mesmo tempo a necessidade de transmitir a fé, não só como património cultural e configurador da pessoa e da sociedade, mas também como resposta existencial a um homem que queremos construir e está sedento de sentido e significado para a sua vida”, explica o SDEC.

O Fórum terá o seguinte programa:

10h00 – Acolhimento e distribuição de material

10h30 – Abertura do Fórum (Sr. D. Albino Cleto, Bispo de Coimbra)

10h45 – Apresentação da temática do Fórum (P. Idalino Simões)

11h00 – “As linguagens da fé face ao ateísmo e ao científico” (Dr. João Paiva)

12h00 – Debate

12h30 – Almoço

14h30 – Mesa redonda, moderada pelo Dr. José António Raimundo, abrangendo os seguintes temas e oradores: “Ciência e Fé” (Dr. Carlos Fiolhais), “Cultura e Fé” (Dr. António Pedro Pita) e “Ideologias e Fé” (Dr. José Leitão).

16h00 – Debate

16h30 – “Transmissão da fé na ‘era do vazio” (D. Manuel Pelino, Bispo de Santarém)

17h30 – Conclusões do Fórum (Sr. Bispo de Coimbra)

18h00 – Encerramento com o coro D. Pedro Cristo

SDINFO

Serviço Diocesano de Informação